Setembro e os seus recomeços

Passaram duas semanas… agora eu e a baby M já não somos uma só, mas duas entidades. Ainda que separadas apenas por uma rua (felizmente a escola das duas é colada ao meu trabalho) os primeiros dias parecem ter sempre um vazio.

Hoje escrevo sobre como foi a adaptação à creche, uma vez que rejeitou a colher e toda e qualquer forma de apresentação de LM. Isso e o BLW “não exclusivo” a ser feito em casa.


Foi uma primeira semana dura para as duas. Talvez porque começámos com pressa. A mãe já conhece a escola. Mas a baby M não. Lá conseguimos entrar nos eixos e ver significativas melhorias na sexta-feira. Chorava muito, e alto, quando percebe que me fui embora. Depois dizem que fica bem.

Aceitou comer parte da sopa e do segundo prato de forma passiva. Alguém lhe dá e ela apenas come. Em casa esteve ainda mais entusiasmada com os pratos de comida ao jantar! Parecia querer explorar o que não conseguia na escola.

A segunda semana começou para as duas. Ainda que ali ao lado a mãe deixou de estar à porta da escola pronta para qualquer eventualidade… da big M não foi tão duro porque foi o pai que fez a integração…

Se parecia que as coisas iam correr sobre rodas no início da semana (comeu a sopa toda, comeu o segundo prato), quando percebeu que isto ia ser sempre assim foi diminuindo a quantidade que comida que aceitava com a colher… num dos dias (após uma vacina) apenas bebeu LM. Não quis nada de nada…

Isso a juntar a uma mãe que precisa apanhar o comboio do trabalho que não parou nem vai parar… foram dias de correria, entre visitas ao almoço para amamentar, sair a meio de reuniões porque me ligam com ela aos gritos ou optar por a levar para uma reunião de final de dia com o meu chefe 🤓.

Felizmente a semana apenas teve 4 dias de trabalho para a mãe. Dia 1/setembro é feriado cá em casa, comemoramos o nosso aniversário de casamento. Assim deu para ajustar e fazer tudo o que não tínhamos conseguido fazer durante a semana.

O que nos ajudou muito a todos? O planeamento. Ter bem claro o que é o jantar e adiantar ao máximo no dia anterior permitiu gerir imprevistos com a hora de chegar a casa e manter a hora de jantar e de deitar das miúdas.

Na semana que entra vamos, pela primeira vez, ficar sozinhas as 3. É só uma noite. É só uma manhã de arranjar para sair. São só dois jantares… vamos ver como corre.

O plano já está feito, agora é esperar que a a baby e a big ajudem a que não descarrile muito. Isso e que a pequena comece a aceitar o novo espaço onde vai passar a estar grande parte do seu dia…

Desejem-nos sorte. Acho que precisamos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s